Jiu-jitsu brasileiro é uma arte marcial Japonesa e estilo de judo desenvolvido pela família Gracie, no início do século XX, que se tornou a forma mais difundida e praticada do jiu-jitsu no mundo, principalmente depois das primeiras edições dos torneios de artes marciais mistas (MMA).

O Jiu-jitsu proporciona uma melhoria substancial no equilíbrio, concentração, aumento dos reflexos e de toda a coordenação motora. Além disso, o contacto com o Jiu-jitsu é um mergulho na história do povo e cultura brasileira e japonesa. Um incentivo para uma visão do mundo mais solidário e mais humano, longe de todos os vícios a que a vida nos tenta no dia-a-dia de cada um. 

Benefícios: 

- Diminuição do stress 

- Defesa pessoal 

- Desinibição da pessoa

-Maior tranquilidade da pessoa

- Aumenta a auto-estima, autoconfiança e desenvolve o caráter(desporto de conquista individual)

- Trabalha e define o corpo, nomeadamente, os braços, abdómen e quadril, em ambos os géneros

 - Aumenta a resistência do organismo

- Acelera o metabolismo

- Melhora a capacidade cardiovascular e respiratória

- Aumenta a flexibilidade

- Aumenta a coordenação motora

- Mlehora os reflexos 

A quem é aconselhada a prática?

- É indicado para quem procura um desporto que trabalhe simultaneamente o físico e o mental.

 - É indicado para pessoas que tenham como objectivo aumentar a capacidade cardiovascular, evitando riscos futuros de problemas cardíacos ou respiratórios, pois exige bastante condição física do praticante; porém, se atingem níveis avançados de condicionamento físico em etapas, qualquer pessoa pode atingir níveis avançados de condicionamento físico basta determinação. 

- Crianças devem praticar o desporto; a idade mínima varia entre 4 a 8 anos. Ajuda no crescimento e desenvolvimento corporal, mental (disciplinar) e também é recreativo.

Professor: Ruben Fonseca

Um website emjogo.pt